Tratamentos de HPN

A hidrocefalia de pressão normal às vezes pode ser controlada ou até mesmo revertida por meio de cirurgia.

Para aqueles que não são candidatos à cirurgia, o tratamento consiste em medidas para aliviar o humor e problemas comportamentais, lidar com problemas físicos como a incontinência e a dificuldades de locomoção. E ainda maximizar o funcionamento físico, mental e social.

Mas se você é candidato à cirurgia, o que pode esperar?                                                      

O que é o Shunt

A hidrocefalia de pressão normal não é causada por qualquer anomalia estrutural, tal como um tumor cerebral. Na maioria dos casos, o problema subjacente não é conhecido ou não pode ser tratado. O tratamento nestes casos é uma operação de shunt.

Um shunt é um tubo fino que é implantado no cérebro por um neurocirurgião. É inserido nas cavidades da cabeça (ventrículos) para drenar o excesso de LCR para longe do cérebro.

O shunt é equipado com uma válvula que se abre para libertar fluido quando a pressão se acumula.

A regulação da pressão na válvula deve, por vezes, ser reajustada. Normalmente, a válvula pode ser ajustada sem outra cirurgia.

O Shunt e os resultados

Uma operação de shunt não é uma cura. Não trata a causa subjacente da NPH. No entanto, pode aliviar os sintomas. Normalmente, o shunt permanece no local indefinidamente.

As operações de shunt não funcionam para todas as pessoas com NPH. Muitas pessoas que se submetem a uma operação de shunt apresentam um alívio substancial dos sintomas. Em alguns alguns casos, os sintomas melhoram e depois começam a piorar novamente.

Quanto mais cedo o NPH for diagnosticado, maiores serão as chances da cirurgia ajudar.

Em geral, pessoas com sintomas mais leves têm melhores resultados com esta cirurgia.

Seu neurologista ou neurocirurgião discutirá os prós e os contras dessa operação e se ela pode funcionar para você.